terça-feira, março 07, 2017

do rio que me habita

não sei da nascente
nem do fim. só sei que se ele
se seca. ai de mim

Nenhum comentário:

Postar um comentário